Atraso do Desenvolvimento de Linguagem

O desenvolvimento da criança inicia-se desde seu nascimento e é marcado por diversos acontecimentos. A aquisição e o desenvolvimento da linguagem são marcos importante desse desenvolvimento.

Espera-se que a produção das primeiras palavras aconteça no primeiro ano de vida, como por exemplo: mamá, papá, qué, dá, etc. E a partir do segundo ano, as palavras começam a ser combinadas formando, então, as frases. Quando essas habilidades demoram a aparecer ou não aparecem, deve ser investigado.

O atraso no desenvolvimento da linguagem pode ocorrer por diversos motivos, é está diretamente associado à habilidade de aprendizagem.

Os seguintes sinais costumam ser comuns:

  • Atraso ou ausência do aparecimento das primeiras palavras;
  • Utilizar apenas gestos para se comunicar, apontando os objetos ao invés de pedi-los;
  • Balbuciar pouco;
  • Compreender tudo que o adulto diz, mas não falar;
  • Não responder quando é chamado pelo nome;
  • Não aprender as funções dos objetos ou dos brinquedos;
  • Desenvolvimento mais lento em relação as crianças da mesma idade;
  • Apresentar dificuldade e/ou resistência em interagir: em geral são crianças agitadas, agressivas ou muito quietas

Crianças que apresentem essas manifestações, principalmente o atraso para falar, tem indicação de realizar avaliação fonoaudiológica o quanto antes. O fonoaudiólogo é o profissional habilitado para aplicar os testes que são padronizados em relação ao esperado para cada faixa etária.

Ao diagnosticar atraso na aquisição da linguagem será fundamental iniciar acompanhamento para estimulação. A terapia fonoaudiológica tem o objetivo de maximizar a habilidade de comunicação e prevenir problemas mais sérios com o avanço da idade, como dificuldades de aprendizagem, transtornos fonológicos e déficits de leitura e escrita.

Em alguns casos também pode ser necessário realizar avaliações neurológicas com um médico (pediatra ou neurologista) e/ou cognitivas com psicólogo.

Se a criança está demorando a falar, é um sinal de alteração no desenvolvimento da linguagem.